...

"Todo sonho é uma derrota em potencial. Para não o realizar, basta manter-se parado. - Argus Caruso Saturnino"

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Estrada de Manutenção da Imigrantes (subida e descida)

Estrada de Manutenção
20/06/2010

A duas semanas atrás recebi o convite do Jorge (conhecido como Jgur do fórum do www.pedal.com.br) para subir a Estrada de Manutenção, junto com um grupo de amigos, no domingo que o Brasil jogou com a Costa do Marfim pela Copa do Mundo. E como faz um bom tempo que só estou pedalando só a serviço, pelas ruas e ciclovias aqui da Baixada, fiquei muito empolgado com o convite...

Poder pedalar a “passeio / lazer” em lugares diferentes do dia a dia, em meio ao verde da Serra do Mar que tanto me fascina! E também pelo desafio e teste que seria para mim, pois nunca tinha encarado uma subida como essa (saindo do nível do mar até 750m), ainda mais que já faz um ano que só estou pedalando a serviço e praticamente só em lugares planos e ao nível do mar.

Com o passar dos dias e conforme ia chegando a data do passeio minha ansiedade ia aumentando, no sábado troquei mensagens pela internet com o Jorge, e devido a algumas divergências, acabei resolvendo que iria encarar o pedal sozinho, pois não queria atrapalhar o passeio deles...

O que também seria muito bom para mim, pois fazia muito tempo que não faziam um passeio sozinho, parece que nos últimos anos, eu tenho uma dependência, de sempre ter uma pessoa para acompanhar, ou então não faço o pedal ou passeio.

Deixei tudo pronto para sair bem cedinho, só consegui dormir lá pelas 02hs da manhã e quando tocou o despertador as 04h 45min, deu uma preguiça enorme e relutei em levantar, mas após 10 minutos criei coragem e levantei da cama...

E por volta das 05:20 saí de casa no Centro de São Vicente, rumo a mais um passeio de bike

Imigrantes as 05:35, na maior escuridão e com um baita vento contra!!!

Viaduto estaiado, Rodovia dos Imigrantes.

Minha intenção era seguir pelo acostamento da pista ascendente até a balança, mas como tinha um policial em frente ao posto da Polícia Rodoviária, e como existe uma placa de proibido o transito de bicicletas logo após o viaduto, e um pouco antes de onde estava o policial. Logo imaginei que seria barrado pelo mesmo, então resolvi cruzar as pistas e seguir pelo acostamento da pista descendente (contra-mão), até chegar a alça de acesso da Imigrantes a Padre Manuel da Nóbrega, onde tem um trilha que dá acesso a estradinha para o Rio Pilões e consequentemente a Estrada de Manutenção.

Na trilha-acesso da Imigrantes para o Rio Pilões, ainda estava muito escuro e não dava para enxergar quase nada, e como é uma descida, com o terreno irregular e com muitas pedras soltas, segui empurrando a bike, foi quando escutei passos de uma pessoa vindo no sentido contrário ao meu, mas não conseguia vê-lo, só consegui quando estava a menos de 3m de mim...

Era um senhor de idade que subia tranquilamente a trilha, ufa!!! Pois na hora eu pensei o pior, pois já li alguns relatos de assalto naquela região.

Rio Pilões e Viadutos da Imigrantes, com dia começando a clarear.
Logo após o Rio Pilões existe um posto de controle e uma guarita, que controlam o acesso a Estrada de Manutenção e ao Parque Estadual da Serra do Mar, mas naquela hora se tinha alguém lá, estava dormindo, então passei por ela sem nenhum problema.

E rapidamente ia clareando e o belo caminho se revelando a minha volta, com vistas de tirar o fôlego!

Rio Pilões e o seu vale...
Onde fiz um pedal com o Roger em Novembro de 2007:

Minha única companhia neste pedal.

E aos pouco ia subindo, subindo, descendo e subindo... E para a minha surpresa até com uma certa facilidade

Velocidade máxima na subida da serra (54,8 km/h)...
Para quem não conhece a montanha russa da Manú, pode pensar que o meu ciclo computador está descalibrado!

Uma bela manhã de domingo para pedalar!








Um mix, da natureza exuberante com uma grande obra de engenharia.

E a névoa insistia em atrapalhar a visão da Baixada Santista.

Tradicionais fotos da cachoeira...

E do túnel que dá acesso ao túnel da pista descendente da Rod. Dos Imigrantes.

Ao chegar no túnel, percebi que tinha um carro parado dentro do túnel, e que um senhor estava ao lado enchendo várias garrafas d'água, numa mangueirinha fincada na parede do túnel, me aproximei do mesmo e puxei conversa, ele me disse que a água é potável e que toma da mesma há anos, então não pensei duas vezes e completei a caramanhola e as duas garrafas plásticas que tinha na mochila.


Tá brincando! Com tantas paisagens magnificas para contemplar e fotografar, não tinha como obedecer essa placa.


Logo após essa foto, cruzei com um grupo de 5 ou 6 bikers descendo a serra, esses foram os primeiros de vários bikers que encontrei descendo ou subindo a Estrada de Manutenção.

Chegando no local onde se inicia a descida da serra na Rod. Dos Imigrantes e com isso as últimas vistas pois a subida da Manú estava chegando ao fim com uma rampa bem inclinada!

Após vencer o paredão verde da Serra do Mar, resolvi parar nessa rotatória para descansar...

E lanchar, foram dois potinhos de açaí com granola, que ainda estavam um pouco cremosos e gelados.

Altitude máxima 751m (rotatória).

Após o lanche resolvi voltar, pois já era quase 10h 30min, e ainda teria que atender um cliente em Santos no Canal 3 antes do jogo do Brasil.
Mais fotos da Rod. Dos Imigrantes, durante a descida.

Vista da cachoeira, durante a descida.

Após essa foto, tinha a última e a pior das subida na descida da Manú, e no meio da mesma, quase me deu caibrã, mas continuei pedalando até o final dela. E para a minha felicidade 100% das subidas foram pedaladas.
E depois foi só descida até chegar novamente ao Rio Pilões...

A estradinha de acesso ao Pilões e a Trilha para Imigrantes.

Serra do Mar vista do acesso do Caminho de Pilões para a Rod. Dos Imigrantes.
Infelizmente foi a última foto do passeio, pois as pilhas da máquina fotográfica e a bateria do celular descarregaram.

Por falar em foto, desculpem pela qualidade das mesmas, pois minha câmera fotográfica estava com a minha esposa e tive que pedir uma emprestado para minha irmã, e o cartão dela é de só 16 Mb, e só restou a opção de ajustar a resolução para VGA, para poder bater uma quantidade maior de fotos. E algumas fotos foram batidas com o celular, que tem resolução de 3,2 M pixel, mas não se comparam as fotos de uma câmera fotográfica de igual resolução.
Quando cheguei na Imigrantes, pensei... “Agora vou pegar um bom vento a favor”, pois na ida tinha pego um vento contra muito forte, o que ajudaria bastante na final do pedal, depois de tantas subidas. Mas para o meu azar estava completamente enganado, o vento tinha mudado de direção e novamente estava contra mim!!!
Conclui o meu passeio por volta das 12:10, um pouco cansado, mas feliz da vida, por ter a oportunidade novamente de pedalar pela Serra do Mar apreciando toda a sua grandiosidade e beleza, e também por ter superado um desafio pessoal, concluindo tão bem este pedal.

Mapa do Passeio:

Altimetria:

                             Números finais:

                            - 61 km de pedal
                            - 06h 50min - Tempo total do passeio
                            - Nenhuma baixa.
                            - 147 fotos.

Um comentário:

  1. Fala cara, blz?
    animal sua volta ! queria pegar umas dicas de pedal/lugares pra pedalar cara!
    acabei de comprar minha bike!
    se puder me ajudar, agradeço! meu msn doutore83@hotmail.com
    valew!

    ResponderExcluir